Distopia


Detalhes do Evento


de 1° a 9/2/2019
Distopia é uma visão fictícia sobre o futuro que reflete o declínio da sociedade humana. Um conceito muito utilizado para narrativas literárias e audiovisuais, o termo serve para discutir os rumos e as escolhas do presente. A mostra Distopia vai abordar as mais diferentes visões sobre o futuro, do anarquismo de Fuga de Nova York e totalitarismo de 1984 à dominação econômica de grandes corporações, como em Blade Runner – O Caçador de Androides.Sala Lima Barreto (99 lugares)
R$2,00 – a bilheteria será aberta uma hora antes da primeira sessão do dia (consulte a programação completa das duas salas de cinema do CCSP no site Circuito Spcine)

PROGRAMAÇÃO

dia 1°/2 – sexta
16h Filhos da esperança
18h Planeta dos macacos
20h Mad Max 2 – a caçada continua

dia 2/2 – sábado
15h30 Brazil, o filme
18h 2019 – Depois da queda de Nova York
20h Fuga de Nova York

dia 3/2 – domingo
16h Ilha dos cachorros
18h THX 1138
20h Blade Runner – o caçador de androides

dia 5/2 – terça
16h Planeta dos macacos
18h Zardoz
20h Fahrenheit 451

dia 6/2 – quarta
15h Ilha dos cachorros
16h45 Brazil, o filme
19h15 Metrópolis

dia 7/2 – quinta
15h30 Filhos da esperança
18h Mad Max 2 – A caçada continua
20h 2019 – Depois da Queda de Nova York

dia 8/2 – sexta
15h Brazil, o filme
17h30 Blade Runner – O caçador de andróides
20h Fuga de Nova York

dia 9/2 – sábado
15h THX 1138
16h45 Fahrenheit 451
19h15 Metrópolis

SINOPSES E FICHAS TÉCNICAS

2019 – Depois da Guerra de Nova York
(2019, After the Fall of New York, França/Itália, 1983, 96min, DCP)
direção: Sergio Martino – elenco: Michael Sopkiw, Valentine Monnier, Anna Kanakis
Depois de uma Guerra Nuclear, a sociedade se divide em dois grupos, os Euraks e a Federação dos rebeldes. Um mercenário chamado Parsifal é contratado pela Federação para se infiltrar na cidade de Nova York para encontrar e resgatar a última mulher fértil da Terra. No ano de 2019 o futuro da espécie humana depende, agora, somente de um homem.

Blade Runner, o caçador de andróides
(Blade Runner, EUA, 1982, 117min, DCP)
direção: Ridley Scott – elenco: Harrison Ford, Rutger Hauer, Sean Young
No início do século XXI, uma grande corporação desenvolve um robô que é mais forte e ágil que o ser humano, se equiparando em inteligência. São conhecidos como replicantes e utilizados como escravos na colonização e exploração de outros planetas. Mas, quando um grupo dos robôs mais evoluídos provoca um motim, em uma colônia fora da Terra, este incidente faz os replicantes serem considerados ilegais na Terra, sob pena de morte. A partir de então, policiais de um esquadrão de elite, conhecidos como Blade Runner, têm ordem de atirar para matar em replicantes encontrados na Terra, mas tal ato não é chamado de execução, e sim de remoção. Até que, em novembro de 2019, em Los Angeles, quando cinco replicantes chegam à Terra, um ex-Blade Runner é encarregado de caçá-los.

Brazil, o filme
(Brazil, Reino Unido, 1985, 132min, DCP)
direção: Terry Gilliam – elenco: Jonathan Pryce, Robert De Niro, Kim Greist
Sam Lowry vive num Estado totalitário, controlado pelos computadores e pela burocracia. Neste Estado futurista, todos são governados por fichas e cartões de crédito e ainda precisam pagar por tudo, até mesmo pela permanência na prisão. Em meio à opressão, Sam acaba se apaixonando por Jill Layton, uma terrorista.

Fahrenheit 451
(Reino Unido/França, 1966, 112min, DCP)
direção: François Truffaut – elenco: Oskar Werner, Julie Christie, Cyril Cusack
Em um Estado totalitário em um futuro próximo, os “bombeiros” têm como função principal queimar qualquer tipo de material impresso, pois foi convencionado que literatura é um propagador da infelicidade. Mas Montag, um bombeiro, começa a questionar tal linha de raciocínio quando vê uma mulher preferir ser queimada com sua vasta biblioteca a permanecer viva.

Filhos da esperança
direção: Alfonso Cuarón
(Children of Men, EUA/Reino Unido, 2006, 110min, DCP)
direção: Alfonso Cuarón – elenco: Clive Owen, Clare-Hope Ashitey, Julianne Moore
2027. Não se sabe o motivo, mas as mulheres não conseguem mais engravidar. O mais novo ser humano morreu aos 18 anos e a humanidade discute seriamente a possibilidade de extinção. Theodore Faron é um ex-ativista desiludido que se tornou um burocrata e que vive em uma Londres arrasada pela violência e pelas seitas nacionalistas em guerra. Procurado por sua ex-esposa Julian, Theodore é apresentado a uma jovem que misteriosamente está grávida. Eles passam a protegê-la a qualquer custo, por acreditar que a criança por vir seja a salvação da humanidade.

Fuga de Nova York
(Escape From New York, EUA, 1981, 94min, DCP)
direção: John Carpenter – elenco: Kurt Russell, Lee Van Cleef, Ernest Borgnine
Em 1997, Nova York se tornou uma prisão de segurança máxima, onde estão os piores criminosos. Se fugir de lá é impossível, entrar é no mínimo insano, mas quando o avião do Presidente cai em Manhattan, é oferecida a liberdade a um condenado e herói de guerra para resgatar o mandatário.

Ilha dos Cachorros
(Isle Of Dogs, EUA, 2018, 102min, DCP)
direção: Wes Anderson – elenco: Bryan Cranston, Liev Schreiber, Edward Norton
Atari Kobayashi é um garoto japonês de 12 anos de idade. Ele mora na cidade de Megasaki, sob tutela do corrupto prefeito Kobayashi. O político aprova uma nova lei que proíbe os cachorros de morarem no local, fazendo com que todos os animais sejam enviados a uma ilha vizinha repleta de lixo. Como não aceita se separar do cachorro Spots, Atari convoca os amigos, rouba um jato em miniatura e parte em busca de seu fiel amigo, aventura que transforma completamente a vida da cidade.

Mad Max 2 – A caçada continua
(Mad Max 2: The Road Warrior, Austrália, 1982, 97min, DCP)
direção: George Miller – elenco: Mel Gibson, Bruce Spence, Vernon Wells
No futuro o bem mais precioso é a gasolina, em virtude de uma guerra que acabou com os campos petrolíferos do Oriente Médio. Tendo combustível pode-se fugir da morte ou se dirigir a algum lugar para matar alguém. Neste contexto, Max resolve ajudar uma comunidade a defender sua refinaria contra uma gangue de motoqueiros.

Metrópolis
(Alemanha, 1927, 153min, DCP)
direção: Fritz Lang – elenco: Brigitte Helm, Alfred Abel, Rudolf Klein-Rogge
Numa cidade futurista chamada Metropolis, dividida entre a classe trabalhadora e os planejadores da cidade, o filho do mestre da cidade se apaixona por uma profeta da classe trabalhadora, que prevê a vinda de um salvador para mediar a diferença entre as classes.

O Planeta dos Macacos
(Planet of the Apes, EUA, 1968, 112min, DCP)
direção: Franklin J. Schaffner – elenco: Charlton Heston, Roddy McDowall, Kim Hunter
George Taylor, um astronauta americano, viaja por séculos em estado de hibernação. Ao acordar, ele e seus companheiros se veem em um planeta dominado por macacos, no qual os humanos são tratados como escravos e nem mesmo têm o dom da fala.

THX 1138
(EUA, 1971, 88min, DCP)
direção: George Lucas – elenco: Robert Duvall, Donald Pleasence, Don Pedro Colley
Século XXV. A humanidade vive abaixo da superfície da Terra, em uma sociedade em que os robôs são a força policial e as pessoas se divertem através da TV holográfica. Todas as pessoas tomam drogas diariamente, de forma a controlar as emoções e manter a paz. Além disto, o sexo é proibido por lei. Um dia o trabalhador THX 1138 resolve parar de tomar suas drogas. Ele se apaixona por LUH 3417, sua colega de quarto, que engravida dele. Ao serem descobertos são enviados à prisão. Lá THX conhece o programador SEN 5241, que o ajuda a escapar. Ele parte então em busca de LUH, para que possam chegar à superfície do planeta.

Zardoz
(Reino Unido, 1974, 105min, DCP)
direção: John Boorman – elenco: Sean Connery, Charlotte Rampling, Sara Kestelman
No mundo de 2293, após descobrir o segredo da imortalidade, um grupo de intelectuais resolve se isolar num mundo paralelo chamado Vortex. Lá, eles vivem longe da violência e do egoísmo humano. Para preservar essa condição, eles criam o mito de Zardoz, uma espécie de deus simbolizado numa gigante cabeça de pedra, que mantém uma legião de exterminadores, doutrinados a matar as pessoas, de forma a evitar a procriação. A estabilidade deste mundo será perturbada quando um dos exterminadores, Zed, consegue ultrapassar a barreira do Vortex e se relacionar com os seus habitantes.

Imagem de capa: Divulgação do filme Fuga de Nova York