Beatriz

Como?
Conheci quando eu tava no Ensino Médio. Não lembro direito, mas um dia eu tava
passando, senti vontade de entrar e eu achei que era um espaço agradável. Sei lá! Não
só pra estudar, eu gostava muito de estudar aqui quando eu estava na escola, mas, às
vezes para, enfim, sentir a cidade. Não sei. Eu imaginei que era um espaço público.

Onde?
Eu gosto de ficar aqui nesse terraço (Jardim Suspenso) ou na biblioteca.

Por quê?
Ah, eu moro bem distante daqui, né? E, quando eu tenho que vir aqui na região da
Paulista, eu gosto de passar aqui, porque, eu não sei, acho que parece um lugar onde
eu não me sinto em São Paulo às vezes. Por esse jardim aqui em cima e pela própria
biblioteca, que não tem aquele clima de biblioteca, sei lá. É um lugar mais aberto e tal.
Eu acho que eu me sinto com menos pressão quando eu tenho que estudar e vir aqui.
Acabo me sentindo menos pressionada.

Créditos
Entrevista, transcrição e edição: Alberto Soares
Fotografia: Érika Lins

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *